A poda é benção

              bispa “Todo ramo que, estando em mim, não dá fruto, ele corta; e todo que dá fruto, ele poda, para que dê mais fruto ainda” (João 15.2)

Entre as traduções do termo grego traduzido como “poda” está, com forte significado, “limpa”. O Senhor nos poda para que possamos produzir mais frutos. Para Deus nos levar a um patamar mais alto, é necessário que passemos por essa poda.

A poda pode ser um processo doloroso, mas, é extremamente necessária. Ao ser podada uma árvore ganha força. A poda dá força.

Deus nos limpa de situações, de comportamentos e de atitudes que nos prejudicam. É necessária essa limpeza, para que Ele possa confiar coisas maiores em nossas mãos.

Precisamos ficar atentos para perceber quando estamos sofrendo a poda. Normalmente, não percebemos de imediato; às vezes estamos cegos ao que Deus está fazendo, mas, como lemos na passagem citada, a poda existe para nosso bem, para que produzamos mais frutos!

Em Efésios 5.15, está bem claro que: Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo. Deus trabalha com o propósito de crescermos n’Ele. Ele quer nos levar a novos patamares de consciência da verdade. Ninguém tem avanços maiores se não sair da categoria em que está.

Nós somos orientados pela Palavra a não sermos mais crianças na fé, mas adultos com atitudes maduras e conscientes. Quando alguém não produz frutos ele é cortado; mas, quando produz, a Bíblia diz, ele é podado.

Malícia, um perigo mortal!

rererrMalícia – perigo mortal!

 

   A malícia matará o homem (Salmo 34.21).

 

                Encontramos inúmeras vezes na Palavra de Deus, advertências sobre a malícia.

 

A malícia é um espírito que conduz à destruição. Mentes maliciosas são mentes dominadas pelo diabo, capazes de imaginar, deduzir, fantasiar e criar as mais diversas situações. O Livro de Jó 15.35 diz: Concebem a malícia, e dão a luz a iniquidade e o seu ventre gera engano.

 

                A Bíblia diz que quando alguém concebe a malícia, este alguém dará luz à iniquidade e dentro dele só haverá engano. Como está escrito, o ventre gera engano. É assim que muitas pessoas geram desgraça para a própria vida.

 

Do que está cheio o seu coração?

bispacorretapng

   

 Do que está cheio o seu coração?

    Então perguntou Pedro: “Como você permitiu que Satanás enchesse seu coração a ponto de mentir ao Espírito Santo e guardar para si uma parte do dinheiro que recebeu pela propriedade?” (Atos 5.3).

    Ananias fez um acordo com sua mulher Safira, para que mentissem sobre o valor da venda de uma propriedade: ofertariam um valor menor e ficariam com mais dinheiro.

    Ananias era um discípulo em Jerusalém. Era um cristão, portanto, fazia parte da comunidade cristã. Tinha plena consciência do que era certo e errado, como Pedro e os demais apóstolos; mas, insanamente, concluiu ser a atitude errada referente, apenas e tão somente, a homens.

    Pedro tinha discernimento de espírito e isso é muito mais do que intuição, conhecimento ou sabedoria humana; é um dom que todos devem orar pedindo a Deus.

    Conforme diz a Bíblia Sagrada, podemos provar os espíritos através do discernimento de espírito. Ananias sabia o que era certo, mas, lamentavelmente, como muita gente hoje também, foi contra a própria consciência. São muitos os que são capazes de comprometer a própria integridade para conseguir algo que, com certeza, não os preencherá, não os fará felizes. O mundo está cheio de pessoas assim!

    “Por que você permitiu que Satanás enchesse seu coração, Ananias?”. Quando Ananias se apresentou a Pedro com o plano mentiroso que seria a sua ruína mortal, foi essa pergunta que Pedro fez a ele. “Não foi a homens que você mentiu Ananias, mas sim, a Deus”, disse-lhe também.

Acima de tudo, guarde o seu coração

 

"Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida."

(Provérbios 4.23)

Eu vejo as pessoas terem tanto cuidado e mimo em guardar joias, objetos de valor, documentos; em manter o carro limpo, muito bem polido, e tantas outras coisas que eu poderia usar como exemplo de coisas que perecem, passam, podem ser roubadas ou enferrujar! Como diz a Bíblia... a traça corroer!

São tantas as coisas que passam e tão cuidadosamente guardadas e protegidas, enquanto o coração é deixado “sem” o cuidado que lhe é devido. São tantos os que não prestam atenção no que está entrando no coração! Não se esforçam para manter o coração limpo e bem guardado de sentimentos nocivos, podres e miseráveis, enquanto a Bíblia diz que do coração depende toda nossa vida. Desta maneira, são muitos os que estão com a vida arruinada e estragada em função do que deixaram e deixam entrar no coração. Tem gente trabalhando para terminar muito mal porque, simplesmente, deixa entrar qualquer coisa no coração.

A Palavra de Deus diz, “acima de tudo”... Então, vou repetir: “Acima de tudo” guarde o seu coração, porque dele depende toda a sua vida. Uma raiva se transforma em raiz de amargura, que se transforma em ódio que é o câncer da alma. É possível perceber o que está no coração de uma pessoa pelo que ela fala, porque, A boca fala do que o coração está cheio.

Obediência: Palavra Chave

fev02  "Obediência: Palavra Chave"

     Mas Jonas fugiu da presença do Senhor, dirigindo-se para Tarsis. Desceu a cidade de Jope, onde encontrou um navio que se destinava àquele porto. Depois de pagar a passagem, embarcou para Tarsis para fugir do Senhor (Jonas 1.3).

      O livro de Jonas é centralizado na obediência. Tanto em relação a ele, como aos ninivitas, tudo gira em torno da obediência. Jonas foi um profeta hebreu patriota. Os ninivitas pertenciam aos assírios, inimigos temidos e rejeitados por Israel.

     Pesava a Jonas, o fato dos assírios terem feito muito mal ao povo de Israel – seu povo. E eis que o Senhor o manda pregar o arrependimento aos ninivitas! Conhecendo a bondade de Deus, de imediato, Jonas pensou que se os ninivitas se arrependessem o Senhor os perdoaria. E Jonas não queria que Deus fosse bondoso com um inimigo de Israel.

     Deus, com sua infinita misericórdia, queria deixar claro para Jonas e todas as gerações que o Seu amor excede raça, nacionalidade, cor e qualquer outra coisa.

     Quando alguém se volta para o Senhor com arrependimento e temor, a Sua mão é estendida com perdão e misericórdia.